Spin Music: mais música (boa) no seu Mac

Em tempos de altíssima disponibilidade de músicas dos mais variados estilos, o problema da década (e um bom problema, na minha opinião) é o que novos vizinhos do norte chamam de "music discovery": nossas coleções de música são cada vez maiores, mas sempre queremos encontrar aquela banda que ainda não conhecemos, aquela música que ficou esquecida em algum lugar do passado, ou a que os amigos estão ouvindo e nós ainda não ficamos sabendo.

Sites como o Last.fm e similares fazem um excelente papel de apoio na descoberta de músicas, e de vez em quando encontro algumas preciosidades por lá. Mas minha preferência é a descoberta musical por outro mecanismo: as rádios on-line.

O problema geral com as rádios on-line e sites de streaming que operam de maneira similar a rádios é que geralmente eles se situam em 1 de 2 extremos: ou você sabe exatamente qual a rádio que deseja ouvir, e simplesmente a procura, ou você tem que se sujeitar a programas (como o iTunes!) que oferecem uma quantidade enorme de estações mal agrupadas em categorias insuficientemente definidas e sem nenhum tipo de curadoria ou priorização prévia - ou testa todas pessoalmente, ou conta com a sorte para achar uma decente.

Geralmente eu recorro a rádios on-line de programação variada (e selecionável) que já conheço e são acessíveis diretamente pelo navegador, como a Iceberg Radio (recomendo o canal Modern Rock Classics!) e a Soma FM (o canal de Covers provavelmente surpreenderá você), mas até as playlists delas começam a ficar previsíveis depois de algum tempo, e chega a hora de ir procurar um complemento.

E ultimamente este complemento tem vindo na forma do Spin Music, que foge dos extremos acima: o programa tem uma interface bem simples, baseada em um ícone no menu do sistema que permite basicamente escolher um gênero musical, e deixar o Spin Music se encarregar de escolher uma rádio on-line entre as que ele tem catalogadas na sua bem escolhida coleção.

Estou escrevendo este artigo ao som de uma rádio norueguesa (gênero Pop) com um nome complicado que eu jamais nem mesmo testaria se estivesse em uma lista de seleção livre como a do iTunes, e antes passei mais de uma hora de flashback com uma rádio polonesa cujo nome eu nem mesmo conseguiria pronunciar, mas tocava sucessos da década de 1990 ("da década retrasada", eu diria, se quisesse me sentir velho), muito bem escolhidos - sem a tentação de se limitar aos óbvios e às 100+ da Billboard.

A lista de gêneros musicais apresentadas pelo Spin Music é em si uma atração: tem itens fundamentais, como as décadas finais do século passado (anos 50 a anos 90), Blues, Clássica, Drum'n'bass, Heavy, House, Jazz, Pop, Punk, Reggae, Rock e Soul, mas também inclui especialidades como 8bit, música brasileira (identifiquei especialmente MPB e Bossa Nova neste grupo), Euro, Lounge, Metal, Opera, Progressivo e até trilhas sonoras.

A operação é muito simples: tudo acontece no menu do aplicativo. Basicamente você escolhe um dos gêneros, e o Spin Music seleciona uma estação para você e começa a tocar. A qualquer momento você pode usar a opção "Skip" e ele pula para outra rádio do mesmo gênero. No próprio menu também é possível ver o nome da estação que está selecionada, bem como (quando disponível) o nome da música, artista e capa do disco.

O streaming de áudio ocupa bem pouco da sua banda de rede, e geralmente não causa impacto perceptível em conexões de banda larga doméstica (em redes corporativas, consulte a autoridade responsável) - até mesmo em conexões 3G é perfeitamente possível ouvir rádios on-line, mas não recomendo a quem estiver em um (felizmente raro) contrato de conexão 3G cujo preço seja baseado no número de bytes trafegados ;-)

Portanto, se você não estiver sofrendo com restrições de acesso, velocidade ou preço da conexão à web, recomendo o gratuito Spin Music, disponível na Mac App Store, para se encarregar de uma trilha sonora diferente para embalar suas atividades no computador!

Comentar

Comentários arquivados

Artigos recentes: