Bateria do MacBook: como fazer durar mais

O leitor Zendrael enviou a sugestão de pauta:

Já faz um tempo, um amigo (técnico em informática) me falou que retira a bateria do notebook toda vez que vai usá-lo na tomada e ela já está carregada. O medo dele é "matar" os ciclos da bateria. Embora eu sei que o lance de "viciar" a bateria não existe mais, ainda comentei que se isso de fato ocorresse, nós que temos MacBooks estaríamos fritos pois eu é que não ia ficar (tentar) tirando a bateria do Mac toda vez! Achei engraçada essa história e de repente poderia gerar um post curtinho no Br-Mac sobre a vida útil das baterias dos MacBooks.

De fato, tirar a bateria dos MacBooks atuais é um exercício melhor deixado para os técnicos habilitados, e TALVEZ o seu amigo esteja exagerando um pouco no zelo pela saúde da bateria do notebook dele, embora me pareça que há um grande fundo de verdade na preocupação: o comportamento oposto (usar o notebook SEMPRE na tomada e SEMPRE com a bateria conectada) realmente não é benéfico para a vida útil das baterias.

Mas esta é uma área em que folclore se mistura a conhecimentos técnicos que não mais se aplicam às baterias atuais, e também a informações atualizadas - e é difícil diferenciar os 3.

Bateria dos MacBooks: duração da carga

Mas a Apple não se furta a orientar sobre a bateria dos MacBooks, baseadas em íons de lítio (como a da maioria dos eletrônicos de consumo modernos). Na página de recomendações gerais sobre o tema, podemos encontrar dicas como:

  • Temperatura de operação: a situação perfeita é operar a uma temperatura ambiente de 22°C, mas ficando entre 10°C e 35°C você estará dentro da faixa em que a bateria opera bem. Na hora de armazenar o MacBook (fora de uso) há mais tolerância: ele pode ficar guardado entre -25°C e 45°C.
  • Nada de efeito memória: Citando diretamente: você "pode recarregar as suas baterias de polímero de íon de lítio sempre que for conveniente para você, sem os necessários ciclos completos de carga e recarga" da geração anterior.
  • Carga inteligente: a bateria é carregada em 2 estágios diferentes: no primeiro, chamado de carga rápida, a bateria é rapidamente alimentada até chegar aos 80% de sua capacidade. No segundo, que pode demorar o mesmo que o primeiro, ela recebe os 20% restantes.

Além disso, há as orientações usuais sobre as configurações do sistema que você pode realizar para aumentar a duração da carga: brilho da tela, redes sem fio, etc., etc.

Bateria dos MacBooks: vida útil

Mas a duração da carga não é o único parâmetro que nos interessa: a questão da vida útil também interessa especialmente aos proprietários de MacBooks, mesmo sabendo que eles são projetados para suportar até 1000 ciclos de 100% de carga e descarga antes de a sua capacidade ser reduzida a 80% da original.

Mas há diversos comportamentos que você deve evitar se não quiser reduzir esta durabilidade, e o primeiro deles é aquele ao qual o amigo do Zendrael dava atenção especial: o mau hábito de manter o MacBook permanentemente ligado à tomada.

A situação ideal para a vida útil da bateria é a de quem todos os dias usa o MacBook desconectado da tomada por algum tempo - a Apple recomenda deixar em uso fora da tomada pelo tempo de um deslocamento para o trabalho (e depois pode passar o restante do dia na tomada sem problemas, informa a Apple).

Se o seu MacBook é usado com pouca frequência, a Apple recomenda que você marque na agenda para fazê-lo passar por um ciclo completo de carga e descarga da bateria uma vez por mês. E caso você vá armazená-lo por um tempo maior sem poder fazer os ciclos mensais, a recomendação oficial é armazená-lo com 50% da carga da bateria - deixá-lo guardado com 100% de carga da bateria aumenta a chance de reduzir a vida útil dela, e deixá-lo guardado com a bateria sem carga nenhuma pode levar à necessidade de procedimento especial na hora de voltar a usar.

O que fazer com a bateria de um MacBook novo?

Usá-la! Mas quando plugar na tomada pela primeira vez, a Apple recomenda que você deixe carregando até atingir a carga completa.

Outra providência com um novo MacBook é fazer a atualização do software para suas versões mais recentes (em  | Atualização de Software), pois o suporte à bateria também evolui entre as versões.

Como funcionam os ciclos de carga da bateria dos MacBooks

A Apple explica: "um ciclo de carga significa usar toda a capacidade da bateria, mas isto não quer dizer necessariamente uma única carga".

Por exemplo, você pode usar 50% da carga da bateria do seu MacBook hoje, recarregá-lo ao final do dia, amanhã usar mais 30% (e recarregá-lo de novo, ou não), e depois de amanhã usar mais 20% - e só então terá completado um ciclo de carga, porque a soma chegará a 100%.

A cada ciclo de carga a sua bateria reduz ligeiramente a sua capacidade. Dependendo do modelo de MacBook, o número de ciclos necessário para consumi-la nas condições de uso recomendadas, conforme as especificações oficiais, é:

  • MacBook branco de 2010: 1000 ciclos
  • MacBook Pro, qualquer tamanho de tela, de 2009 a 2011: 1000 ciclos
  • MacBook Air 2010: 1000 ciclos
  • Outros modelos: consulte

A bateria pode continuar a ser usada após alcançar esta contagem de ciclos, mas a Apple considera que neste ponto o desempenho dela já estará afetado a ponto de justificar a substituição.

E descobrir quantos ciclos de bateria um MacBook já encarou não é muito complicado. Existem utilitários especializados, mas em qualquer MacBook a informação pode ser encontrada no menu da Maçã | Sobre Este Mac | Mais Informações | Relatório do Sistema | Alimentação.

A imagem acima é a baixíssima contagem de ciclos do MacBook Pro quase 0km no qual escrevo este post para vocês ;-)

E ela ainda vai durar muito, inclusive porque - mesmo quando eu uso o MacBook no escritório - eu lembro de tirá-lo da tomada por pelo menos 2h de uso por dia de atividade, porque eu evito usá-lo ou carregá-lo em temperaturas ambiente muito elevadas, e porque quando eu o guardo fora de uso, eu não o faço com a bateria 100% cheia nem 100% vazia, e coloco na agenda para exercitar sua bateria uma vez por mês. E recomendo que você faça o mesmo se desejar que a sua bateria dure tudo o que pode durar!

Comentar

Comentários arquivados

Artigos recentes: