i-Helicopter: helicóptero controlado pelo iPad ou iPhone, a partir de R$ 60

Que tal um helicóptero de controle remoto ao preço de ~R$ 60 que você pode comandar diretamente do seu iPhone ou iPad?

O i-Helicopter Air tem dimensões pequenas e é feito com materiais leves, adequados aos vôos dentro de casa. Mas claro que ele não deve ser confundido com o AR.Drone, aquele quadricóptero que recém chegou ao Brasil oficialmente por ~R$ 2000: o i-Helicopter tem só um rotor, embora suas 3 frequencias de controle selecionáveis permitam ter 3 aparelhos em casa e realizar competições com os amigos.

Diferentemente do AR.Drone, também, o pequeno i-Helicopter Air não está disponível oficialmente no varejo brasileiro: ele foi lançado há poucas semanas no DealExtreme.com.

Já encomendei o meu modelo prateado por US$ 39,90 e espero que chegue a tempo para o Dia das Crianças ;-)

Embora lembre bastante, à primeira vista, modelos que já estiveram disponíveis no mercado nacional (como o Picooz vendido pela Estrela, que tinha o corpo em isopor, e que custava ~R$150 da última vez que o vi), os diferenciais são muitos e variados.

A começar pela forma de controle: o i-Helicopter é controlado por uma app disponível na App Store, que permite definir a velocidade, elevação, direção e giro, entre outros comandos.

Para permitir isto, o helicóptero vem acompanhado de um pequeno acessório transmissor infravermelho que deve ser plugado diretamente à saída de fone de ouvido do iPhone ou iPad na hora da operação.

O tamanho e a distância entre os 2 pares de pás do rotor também me fazem ter a expectativa de que ele seja bem mais manobrável e controlável do que as primeiras gerações deste tipo de brinquedo, que quase exigiam uma pós-graduação antes de o piloto conseguir mantê-lo no ar por mais de 30 segundos ;-)

Segundo as especificações do modelo que eu escolhi, seu corpo é feito em plástico e metal, pode ser controlado até uma distância de 8 a 10 metros, e sua app de controle é compatível com iPhones, iPads e iPods Touch.

A bateria funciona de maneira similar a outros aparelhos desta geração ultra-leve de brinquedos de controle remoto: o helicóptero tem que ficar carregando (por um cabo USB que o acompanha) durante 40 minutos para depois poder voar por 8 a 10 minutos – ou seja, bem mais tempo de hangar do que de vôo ;-) O transmissor também precisa ser carregado, mas a carga de 90 minutos permite 2h de operação.

E meu modelo prateado não é o único disponível: na data do fechamento deste post, o interessado poderia escolher também um preto e branco, ou preto e prata, ou branco e prata, ou todo branco, ou todo preto, entre outros.

Comprar no DealExtreme.com é uma algo que eu já realizei muitas vezes nos últimos 4 ou 5 anos. É legal para consumidores finais (a mercadoria vem pelo Correio e passa pela inspeção alfandegária, que a carimba como liberada ou a separa para cobrança de taxas).

Sim, isto significa que sempre existe a chance de você ser chamado a ir retirar a mercadoria na agência dos Correios, caso a Receita decida que há taxas de importação a pagar (e, para propósitos práticos e para comparar com alternativas disponíveis no Brasil, eu costumo considerar que as taxas irão equivaler a pagar mais uma vez o preço original do produto).

Há uns 2 anos a entrega costumava demorar cerca de um mês, mas a situação dos nossos Correios no momento leva a esperas bem maiores – algumas das minhas encomendas têm demorado mais de 2 meses para chegar. Portanto, não compre se tiver pressa ;-)

De qualquer maneira, quando o meu aparelho chegar, eu publico um review para vocês!

Comentar

Comentários arquivados

Artigos recentes: