Novo MacBook: Quando chega e como será? [atualizado]

Os rumores sobre o que acontecerá com as linhas de MacBooks em 2012, este ano cheio de presságios, abundam. Uns dizem que o MacBook Pro será descontinuado, outros que seus modelos menores ficarão mais próximos das dimensões do MacBook Air mas ambas as linhas continuarão existindo em paralelo, e outros dizem muito mais.

Curiosamente, como veremos a seguir, a ideia de uma aproximação maior entre MacBook Air e Pro tem entre seus alicerces uma declaração pública de Steve Jobs.

Como de hábito, não recomendo que ninguém tome decisões de compra (ou qualquer outra decisão importante) com base em rumores sobre lançamentos futuros da Apple. Por outro lado, como já faz algum tempo que aconteceram as últimas atualizações dos MacBooks, e há poucos dias o CEO Tim Cook anunciou em público que 2012 trará várias outras inovações no estilo do que houve com o novo iPad, creio que está na hora de ler o tarô, as folhas de chá e os sites de rumores, e deixar cada leitor pensar em quais as partes que merecem crédito.

O que já se sabe

Para começar, se sabe que a Apple raramente confirma com grande antecedência quando vai lançar alguma coisa, e que a probabilidade de você comprar um MacBook e logo depois ver ele deixar de ser o modelo mais novo da linha pode ser calculada levando em conta que nos últimos 5 anos a prática tem sido atualizar o MacBook Pro duas vezes por ano, e o MacBook Air uma vez por ano – mas existem exceções para ambas as regras.

É difícil ter certeza sobre quais as novidades de uma próxima versão qualquer (vai que a Apple resolve fazer um MacBook iPad como o da visualização acima?), mas também é usual ter um número limitado de novas características marcantes, ao mesmo tempo em que a maioria das especificações (desempenho do processador, capacidade da memória, resolução de vídeo, conectividade, duração da bateria, etc.) recebem pequenas atualizações ou se mantêm iguais - raramente alguma delas sofre um retrocesso, objetivamente falando.

Uma exceção decorrente da expectativa de que os próximos integrantes da linha MacBook Pro se aproximem do formato típico do MacBook Air pode ocorrer com o armazenamento e a conectividade: caso se confirmem os rumores mencionados abaixo, eles podem ter um retrocesso no volume de armazenamento em relação aos modelos atuais (compensado pelo desempenho e portabilidade superiores das unidades SSD), no suporte a CD/DVD e na presença de conector para cabo de rede. Veremos.

Começando pelo histórico

A ideia de o design do MacBook Air se espalhar pelos demais MacBooks tem paternidade ilustre: em 2010 Steve Jobs disse acreditar que este é o futuro dos MacBooks.

Mas há outro fato histórico que geralmente interessa a quem queira prever se e quando vai ser lançado um novo modelo de MacBook: as datas dos lançamentos anteriores, por mais que não sejam regulares.

Vamos a elas, portanto: tivemos lançamentos de MacBook Air no início e final de 2008, em meados de 2009, no final de 2010 e em meados de 2011. No mesmo período, os lançamentos de novos modelos de MacBook Pro ocorreram no início e final de 2008, início e meados de 2009, meados de 2010, início e final de 2011.

Vale lembrar que a atualização mais recente da linha Air trouxe como grandes novidades a porta Thunderbolt, as CPUs i5 e i7, o teclado iluminado e o Bluetooth 4.0. Os atuais MacBooks Pro têm um design cujas linhas gerais datam de 2008, e nas atualizações de 2011 receberam itens como a porta Thunderbolt, os processadores i5 e i7 e a câmera HD, .

Rumores de ocasião

Prever o futuro com base em fontes não identificadas e cujo acesso a informações oficiais é duvidoso ou – no mínimo – inverificável não é uma tarefa das mais precisas, portanto volto a frisar que pessoalmente não recomendo que você se baseie no que será dito a seguir para tomar alguma decisão de compra, ou mesmo para adiar alguma compra.

E o que vem sendo dito nos últimos dias diz respeito a um modelo de MacBook que não é o mais prático para boa parte dos casos de uso que não envolvem mochilas grandonas: um novo modelo de MacBook Air com 15 polegadas.

Segundo uma fonte não-identificada (mas descrita como fabricante-chave de acessórios como docking stations) mencionada inicialmente por um site não muito conhecido, este novo modelo seria lançado oficialmente já em abril, e além da tela de 15 polegadas em um gabinete estilo Air, ele teria portas de ambos os lados, viria sem drive de DVD ou conector para cabo de rede, e suas especificações seriam suficientes para terminar de matar o interesse dos consumidores comuns pela linha Pro.

A consequência natural, se aceitarmos que a fonte em questão sabe o que diz, é que em abril teríamos o anúncio de mais modelos da linha Air, ou da linha Pro mas com características de Air: ou seja, talvez este aparelho mítico mencionado seja na verdade uma evolução da linha Pro que cumpra a profecia de Steve Jobs mencionada acima.

Rumorizando a CPU

O rumor de um novo modelo de 15 polegadas e características de Air é tudo, menos novo: em novembro do ano passado o 9to5mac já fazia uma retrospectiva dele, contando a razão de uma primeira tentativa não ter dado certo, e que a intenção da Apple era lançá-lo no início de 2012.

O que o relato do 9to5Mac tem a mais em relação ao novo rumor que afirma que a data será em abril é um detalhe essencial, embora há muito tido como certo por muitos espectadores atentos: o processador dos novos modelos Air e Pro será da linha Ivy Bridge da Intel, que está por ser lançada trazendo maior desempenho, gráficos melhores e menor consumo de energia.

O HowToArena diz ter uma fonte adicional no oriente que acrescenta algumas especificidades: design mais grosso que os atuais Airs mas mais fino que os Pros, e processadores Ivy Bridge Core i5 e Core i7. E vale mencionar de passagem que a Intel está trabalhando em uma versão atualizada e mais rápida do padrão Thunderbolt.

A data da disponibilidade no mercado dessa nova linha de CPUs da Intel não está confirmada e parece flutuar com informações sobre adiamentos (mas não de toda a linha), mas a expectativa geral é de que ocorra em abril também.

Mais sobre a próxima versão de MacBook Pro

A ideia de que a linha MacBook Pro vai continuar a existir mas se aproximará das características que hoje associamos ao MacBook Air vem tomando corpo há algum tempo, o MacRumors a mencionou há mais de 1 ano, e o 9to5Mac a sumarizou no mês passado, citando declarações neste sentido de uma “pessoa familiar com os cronogramas da Apple”.

O que se disse na ocasião foi que um novo modelo de MacBook Pro (estilo Air) de 15 polegadas seria apresentado em breve, o futuro MacBook Pro de 17 polegadas surgiria nos meses seguintes, e o ano acabaria com a extinção do atual design do MacBook Pro.

A ausência de menção a um novo MacBook Pro de 13 polegadas (exceto pelo frequentemente equivocado DigiTimes, que também mencionou um modelo de 14 polegadas) para mim pode ser entendida como uma "confirmação" de que ele terá o mesmo fim do MacBook branco, algo que para mim é um palpite forte desde as atualizações do ano passado, em que o modelo básico do Pro de 13 polegadas passou a comer poeira dos modelos de MacBook Air básicos de 13 e 11 polegadas nos benchmarks de uso geral, mesmo sendo mais recente que eles.

Caso se confirme que ele terá um fim similar ao do MacBook branco (extinto no ano passado), quero deixar registrado que não sentirei nenhuma falta, a não ser pelo histórico: no meu guia para escolha de modelo de MacBooks eu já deixo claro há algum tempo que só em circunstâncias muito específicas recomendo o modelo mais básico da linha Pro atual: os 2 modelos básicos de MacBook Air são escolhas melhores na maioria dos casos, na minha opinião.

Sumarizando

Quem costuma tomar decisões baseado em rumores tende a cometer erros graves ocasionalmente, mas também é verdade que a forma de garantir que se vai ter o modelo mais recente do MacBook por mais tempo é comprá-lo logo após uma atualização (mas o valor real de “ter o modelo mais recente” de um produto atualizado com tamanha frequência é algo sujeito a debates).

As razões para acreditar que alguma atualização da linha Pro ocorrerá no próximo trimestre (ou mesmo no próximo mês, se a dependência for a Intel) parecem ser suficientemente sólidas, assim como também há base para a expectativa de que alguma mudança aproxime ou una as linhas Air e Pro.

Mas o que se mencionou no parágrafo anterior são meras expectativas, e todas as demais “previsões” mencionadas neste post vieram de fontes não reveladas e externas à Apple, que é a quem cabem as decisões a respeito.

[Atualização] Um rumor na direção oposta

Indo na contramão dos rumores que apontam para o fim do MacBook Pro de 13 polegadas ou para uma fusão entre as linhas Air e Pro, poucos dias após este post ir ao ar o site oriental Digitimes publicou seu relato baseado em "fontes na cadeia de suprimentos".

Segundo o Digitimes, o que já está nas linhas de produção é mesmo uma atualização da série Pro, com características diferenciadas em relação ao Air (quanto à CPU e à capacidade de armazenamento), e um design mais fino do que os modelos de 2011 graças à remoção dos drives de DVD.

O Digitimes "confirma" que um modelo de 15 polegadas mais fino está em produção, mas que se trata de um MacBook Pro. E também afirma que um modelo similar, mas com 13 polegadas, também está nas linhas de montagem.

Como no caso dos demais rumores, em breve saberemos se estão corretos ou não.

--

E para saber sobre os modelos que hoje estão no mercado real, visite o post “MacBook: qual modelo comprar”. Afinal, como se diz, rumores são rumores, e vice-versa.

Comentar

Comentários arquivados

Artigos recentes: