iMac como monitor externo de outro Mac rodando o Mountain Lion

O iMac é um excelente computador por si só, mas o modelo de 27 polegadas também pode servir como um monitor externo para outro Mac, desde que você tenha o cabo correto.

Ter um iMac de 27 polegadas pode exigir um investimento considerável, e a ideia de usá-lo como um mero monitor para outro Mac pode parecer absurda, exceto se a contextualizarmos: por exemplo, para uso ocasional junto ao MacBook com tela pequena que acompanha o usuário em seus deslocamentos, ou para dar continuidade à vida útil do iMac (por exemplo, com a ajuda de um futuro Mac mini com SSD) quando ele deixar de ser o Mac mais rápido da casa.

O iMac que uso diariamente é modelo 2010 e acredito que seu desempenho continuará à altura da minha demanda por mais 1 ou 2 anos, mas quando o dia chegar, não pretendo trocá-lo por outro, e sim aproveitá-lo como monitor externo de outro Mac.

Para isso, já tomei a providência necessária aos iMacs de 27 polegadas modelos de 2009 ou meados de 2010: adquiri o místico cabo Mini DisplayPort to Mini DisplayPort Cable, feito pela Belkin e que a própria Apple não faz, e desde então conecto outros Macs (tanto os modelos com porta Mini DisplayPort quanto os mais recentes, com porta Thunderbolt) ao iMac, para usá-lo como um ótimo monitor de 27 polegadas.

As instruções oficiais sobre como usar este iMac como monitor externo são bem detalhadas, mas vou resumir o procedimento: basta que tanto o iMac quanto o outro Mac estejam ambos em operação, e aí conectar um cabo Mini DisplayPort tanto à porta Mini Display Port do iMac quanto à porta Mini DisplayPort (ou Thunderbolt) do outro Mac.

Após poucos segundos o iMac entrará no modo Target Display e passará automaticamente a funcionar como um monitor externo do outro Mac. A CPU do iMac permanece ativa, e você pode inclusive pressionar ⌘+F2 (no teclado do iMac) para alternar entre o modo Target Display e a exibição da tela do próprio iMac.

O cabo mencionado acima (os meus eu comprei via eBay, não sei de alguma loja que os venda no Brasil) é a solução nos iMacs de 27 polegadas modelo 2009 e meados de 2010. Segundo a MacWorld, iMacs posteriores (já dotados de porta Thunderbolt) têm a mesma funcionalidade, mas no caso deles o cabo tem que ser Thunderbolt, e só funcionará com outros Macs também dotados de porta Thunderbolt.

E antes que você pergunte: o cabo Thunderbolt não pode ser usado como substituto do cabo da Belkin mencionado acima nos iMacs 2009 e mid-2010, nem mesmo para conectá-los a outros Macs que tenham porta Thunderbolt: neles, só o cabo mini DisplayPort resolve.

Eu já havia dado essas dicas no início do ano, mas tendo em vista o que aconteceu com os monitores e projetores VGA após o lançamento do Mountain Lion (e uma pergunta enviada por um usuário), resolvi refazer os testes, e confirmei que tudo continua funcionando como antes, com Mountain Lion instalado tanto no iMac como nos MacBooks Air (com porta Thunderbolt e com porta mini DisplayPort) que o usaram como monitor.

Foi só plugar e usar.

Leia também:

Comentar

Comentários arquivados

Artigos recentes: