XBMC 11: nova versão do app que transforma o Mac em media center

O final de semana nos brindou com a aguardada versão 11.0 do XBMC, popular aplicativo que transforma o Mac em media center (para uso permanente ou ocasional) e permite gerenciar e exibir com maestria as coleções de filmes, seriados, músicas, imagens e mais.

Já havíamos comentado há alguns meses sobre as expectativas para esta versão, cujo codinome é Eden. Na época, descrevi o aplicativo assim:

O XBMC é um dos aplicativos preferidos de quem transforma (sempre ou ocasionalmente) seu Mac em Media Center, e não é pra menos: trata-se de uma solução completa que serve tanto como aplicativo para usar na tela do seu Mac quanto para ser a base de uma central de entretenimento digital que funciona bem em toda a linha – inclusive nos Mac Minis, que agora vêm com saída HDMI nativa e são bem fáceis de instalar perto da maior TV da casa ;-)

Um ponto em que o XBMC brilha é a possibilidade de criar bibliotecas de conteúdo multimídia, agrupando filmes, episódios de seriados, músicas, etc. e até mesmo obtendo via Internet as ilustrações das capas, textos descritivos de filmes e episódios e mais – perfeito para videófilos, ainda que às vezes não seja tão fácil colocar este recurso em uso.

Na ocasião, uma série de novidades interessantes eram aguardadas na nova versão deste software open source que está na estrada desde 2003. Agora a maior parte delas se confirmou, e você já pode fazer o download do XBMC 11 para instalar ou atualizar, ambos gratuitamente.

Um longo e técnico sumário das novidades da versão está disponível, mas me chamaram a atenção especialmente:

  • ganhos de desempenho na exibição de conteúdo, via novas técnicas de rendering, suporte renovado a formatos (de áudio, vídeo, imagens e legendas) e melhorias no uso do hardware
  • melhor suporte a redes, incluindo protocolos adicionais
  • Suporte a Slingbox e a receber conteúdos via AirPlay
  • o novo tema visual default com sua barra de navegação horizontal capaz de exibir opções frequentemente acessadas, sem exigir um clique adicional, e exibindo em uma área específica da tela os conteúdos mais recentemente incluídos na coleção.

O Mac não é a única plataforma suportada: computadores com Windows e Linux também receberam a atualização, assim como os dispositivos iOS (iPad, iPhone, iPod Touch, Apple TV), sendo que nestes o app está disponível apenas por meio de jailbreak.

Já fiz o upgrade, testei brevemente e gostei da interface renovada. Ao longo da semana espero ter tempo de aproveitar as novidades revendo algum filmen da minha coleção. Por enquanto fica a recomendação: não deixe de visitar o anúncio de lançamento para conhecer as novidades e fazer seu download do XBMC 11!

Veja também:

Comentar

Comentários arquivados

Artigos recentes: