TextWrangler 4.0: Nova versão do melhor editor de textos gratuito do meu Mac

Há algum tempo escrevi que o TextWrangler era o melhor editor de textos do meu Mac, e confesso que gosto tanto dele que desde então considerei justo retribuir os desenvolvedores e comprar o BBEdit que, ao contrário do TextWrangler, não é gratuito.

Vamos resumir assim, então: o TextWrangler, descrito pelos autores como o "irmão menor do BBEdit" é o melhor editor de textos gratuito do meu Mac. Ele tem aquela que para mim é a característica essencial de um editor de textos em ambientes gráficos: ao abrir o programa, ele RAPIDAMENTE exibe uma tela vazia na qual, se desejar, o usuário pode começar imediatamente a compor seu texto, sem usar nenhum menu ou comando, até chegar a hora de gravar – e a forma de gravar é a convencional, ⌘+S ou pelo menu File, sem ter de adivinhar nada.

Para editar textos comuns, como o deste post, não é preciso ir muito além disso mas (e a imagem acima ilustra) no caso dos programadores, administradores de sistemas e outros profissionais da informática, ele tem uma série de vantagens adicionais:

  • Busca avançada, com suporte a manipulação do texto via expressões regulares (PCRE)
  • Comparação de documentos
  • Suporte a edição de grande variedade de linguagens de marcação e programação
  • Ferramentas para transformações comuns, como a remoção imediata de caracteres estranhos (“zap gremlins”) de arquivos parcialmente corrompidos, conversão para maiúsculas e vice-versa, tabular, indent, inserir prefixos ou sufixos nas linhas, ordená-las, etc.
  • Suporte extensivo e em grande parte automatizado a bom número de padrões de caracteres – se o seu parceiro de equipe lhe enviar um texto em UTF-8, Latin-1, ISO-8859-1 ou qualquer que seja o default do sistema operacional que ele usa, você pode ajustar o editor, e só na hora de gravar você precisará parar para pensar de novo se mantém o padrão original ou muda para o seu próprio padrão (e o mesmo vale para os caracteres de final de linha!)
  • Níveis ilimitados de undo e redo
  • Colorização de sintaxe de linguagens de programação e de marcação
  • Extensibilidade via AppleScripts e shell scripts
  • E muito, muito mais.

A versão 4.0, lançada ontem, incorpora várias das novidades lançadas recentemente no BBEdit 10, incluindo melhor suporte a recursos do Lion (como o modo full screen), novidades nas preferências e na tela de edição, e outros novos recursos.

Mas o BBEdit, naturalmente, preserva alguns diferenciais que não são compartilhados com seu irmão gratuito: manipulação programável de texto com Text Factories, agrupamento de arquivos em Projetos, Clipping, controle integrado de fontes, entre outros.

Uma lista completa das novidades está disponível, assim como um comparativo entre o TextWrangler e o BBEdit.

Se você procura um editor de textos simples, poderoso e gratuito para tarefas de uso geral no seu Mac, recomendo o recém-atualizado TextWrangler 4.0, também disponível na Mac App Store.

Comentar

Comentários arquivados

Artigos recentes: